Endereço

Rua Pernambuco, 1002 - Sala 601
Savassi | CEP 30130-151
Belo Horizonte, MG
Tel.: 3261 8282 - 3262-4130/0876
sdamg@sdamg.com.br


Clique aqui para acessar a Intranet

Notícias

voltar        

Novo Conselho de Logística de Portos da ACMinas



Frederico Pace é o presidente do novo Conselho de Logística de Portos da Associação Comercial e Empresarial de Minas. A nomeação aconteceu durante o almoço de posse realizado no Automóvel Clube, no dia 5 de abril, com a presença de representantes do segmento aduaneiro, dos portos secos de Minas Gerais e de empresas multinacionais como a Fiat e Gerdau. No evento, Frederico Pace falou sobre as metas e projetos prioritários do novo conselho.


Entre as ações a serem desenvolvidas pelo Conselho, o presidente afirma que a luta para a desburocratização do trânsito aduaneiro será a primeira de duas grandes bandeiras a serem defendidas em sua gestão. “Minas possui plenas condições de manter um negócio aduaneiro fortalecido. Precisamos conversar com os agentes responsáveis para explorarmos melhor esse ambiente negócio”, explica o presidente do Conselho.


Já a segunda bandeira do Conselho diz respeito à ampliação dos serviços alfandegários no Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, para sete dias da semana. De acordo com Pace, o volume de cargas que chega do exterior no local já é suficiente para que se possa começar a estudar a possibilidade de extensão do funcionamento da Alfândega. “Se uma carga chega no Aeroporto às 18 horas de uma sexta-feira, ela somente será liberada na próxima segunda-feira. Esta pausa acaba dificultando o fluxo de trabalho, principalmente, nas indústrias”, afirmou.


 O que disseram alguns dos convidados:


“Um conselho como esse é extremamente importante para unirmos forças e canalizá-las junto à sociedade para obtermos um objeto comum, que é a melhoria do nosso Estado”, Elza Vasconcelos, representante da Recita Federal.


 “Sem as empresas exporem o que elas desejam e sem a participação da Receita Federal, também apontando suas dificuldade, por exemplo, fica difícil acontecer um diálogo. Então, acho ótimas essas reuniões onde conversamos abertamente sobre nossos interesses”, Ana Carolina, analista de Compras Internacionais da Gerdau.



Fonte: Assessoria de Imprensa da ACMinas
Animatto Webcom