Endereço

Rua Pernambuco, 1002 - Sala 601
Savassi | CEP 30130-151
Belo Horizonte, MG
Tel.: 3261 8282 - 3262-4130/0876
sdamg@sdamg.com.br


Clique aqui para acessar a Intranet

Notícias

voltar        

Exportações de MG cresceram 59,64% no 1º quadrimestre



As exportações mineiras cresceram 59,64% nos quatro primeiros meses do ano, tendo sido negociados US$ 11,648 bilhões contra US$ 7,296 bilhões no mesmo período de 2010. O volume de produtos exportados, no entanto, permaneceu praticamente estável na casa dos 52 milhões de toneladas, com aumento de apenas 1,5%.

O motivo da desproporcionalidade entre valores e volumes é a grande elevação dos preços das commodities, principalmente minério de ferro e café, que compõem a maior parte da pauta exportadora do Estado. Apenas os dois itens são responsáveis por 56,43% dos embarques para o mercado internacional.

Com relação ao minério, a expansão chegou a 112,3% de janeiro a abril ante o idêntico intervalo do ano passado, atingindo US$ 4,873 bilhões frente US$ 2,295 bilhões. A quantidade do insumo, no entanto, apresentou ligeira retração de 0,009%, continuando por volta de 47 milhões de toneladas.

A participação da commodity no total exportado pelo Estado ficou em 41,84%, um crescimento de 10 pontos percentuais em relação ao acumulado dos quatro primeiros meses de 2010. No caso do segundo principal item, o café, a retração no volume exportado foi maior.

Foram 403,476 mil toneladas, o que representa uma queda de 2,6% diante do primeiro quadrimestre do ano anterior. No entanto, em termos de valores, foram alcançados US$ 1,698 bilhão, alta de 55,3%, ou seja, mais que o dobro dos US$ 414,313 milhões registrados de janeiro a abril do exercício passado.

Em terceiro lugar, entre os principais produtos exportados por Minas Gerais ficou o ferro-nióbio. As vendas externas do metal cresceram 51,96% entre janeiro e abril em comparação com o mesmo período de 2010. Os embarques movimentaram US$ 667,9 milhões, ante US$ 439,5 milhões em igual intervalo do ano passado. No período, as exportações passaram de 19,063 mil toneladas para 25,776 mil toneladas, o que representa alta de 35,21%.


Importações
- Por outro lado, também foi verificada alta no volume das importações mineiras no acumulado de janeiro a abril de 2011. Os desembarques no Estado passaram de US$ 2,713 bilhões para US$ 3,518 bilhões (crescimento de 29,6%).

O principal item importado pelos mineiros no quadrimestre foi a hulha betuminosa (carvão mineral), utilizada como insumo pelas usinas siderúrgicas. As compras externas do produto cresceram 60%, passando de US$ 219,651 milhões para US$ 351,551 milhões.

O volume de carvão importado alcançou 1,709 milhão de toneladas neste ano, ante 1,569 milhão toneladas entre janeiro e abril do ano passado, o que representou aumento de 8,9% na comparação com o mesmo intervalo do ano passado, conforme dados do Mdic.

O segundo item da pauta de importações no acumulado até abril foram os automóveis, com incremento de 32,9% na comparação com o mesmo período de 2010. Os desembarques movimentaram US$ 288,669 milhões no quadrimestre, contra US$ 217.201 milhões entre janeiro e abril do ano passado. No entanto, em função das barreiras para conter as importações adotadas pelo governo federal recentemente, é provável que o volume de veículos importados caia a partir deste mês.




Fonte: DIário do Comércio 20/05/2011
Animatto Webcom